fbpx
Loading...

Identifique seu público. Bebida não é brincadeira de criança.

Em se tratando de Leis, vamos direto ao assunto!

Segundo o Estatuto da Criança e do Adolescente:

Art. 243. Vender, fornecer ainda que gratuitamente, ministrar ou entregar, de qualquer forma, a criança ou adolescente, sem justa causa, produtos cujos componentes possam causar dependência física ou psíquica, ainda que por utilização indevida 

Aquele que vender bebida alcoólica a uma criança ou adolescente deverá ser punido pela prática do crime do artigo 243, sujeitando-se às penas de 2 a 4 anos de detenção.

Assim fica claro que o assunto é sério. Não é brincadeira. É lei.

 

 

Portanto, a identificação de menores em eventos, onde são vendidas ou oferecidas bebidas alcóolicas tais como bailes, festas, shows, festivais é muito importante, e deve ser planejada pelos responsáveis.

Aí vão algumas dicas como as pulseiras de identificação podem ajudar nesta tarefa.

É importante ter sempre em mente que adolescentes estarão no seu evento, para burlar as regras.

  1. Pulseiras para maiores ou menores de 18 anos?

Se você identificar somente os menores, eles podem resolver o obstáculo apenas retirando a pulseira. O ideal é identificar ambos com pulseiras de cores diferentes. Porém, caso opte pela identificação somente de um dos grupos, dê preferência por identificar os maiores de 18 anos, após a apresentação do documento de identidade..

  1. Evite trapaças

Nunca se esqueça de personalizar a pulseira do seu evento. Isso evita que adolescentes levem pulseiras da mesma cor das que serão usadas pelos maiores de 18 anos.

  1. O combinado não sai caro

Deixe bem claro para o seu contratante as condições da Lei para evitar problemas com o público e o cliente. Oriente sua equipe sobre a conduta que deve ser tomada em relação aos casos de violação às regras.

Proteja-se e tenha um bom evento!

Conte com a tag-ID para te ajudar a encontrar a solução ideal para você.